Tratamento da acne

25 Ago, 2012

Os jovens com tendência para erupções de pele devem evitar comer chocolates, nozes, amêndoas, avelãs, alimentos gordos ou fritos, mariscos e alimentos muito condimentados; devem também deixar de consumir cola e outras bebidas ricas em açucar, assim como o leite em excesso (é preferível leite desnatado). Os doces devem ser reduzidos ao minimo; os bolos, pasteis, tartes e bebidas alcoólicas devem ser totalmente eliminados. Como a acne afeta principalmente jovens em crescimento, é preferível que seja o médico a fornecer instruções dietéticas completas, a fim de que não venha a ser prejudicado o seu desenvolvimento.

Não é aconselhável mexer na cara com as mãoes; deve-se evitar a extração das borbulhas, pontos negros ou pontos brancos por meio de dedos, assim como o ato inconsciente de arrancar as crostas. Se a pele for lavada com demasiada energia ou enxuta com uma toalha pouco limpa, pode ficar inflamada nas zonas sensíveis.

TRATAMENTO: Os casos benignos de acne são normalmente pouco duradouros, desaparecendo com a simples observação dos devidos cuidados no que respeita à alimentação e à limpeza. Os casos mais difíceis devem ser tratados por médico. Se a acne deixar cicatrizes na pele, existe a possibilidade de recorrer a técnicas médicas e cirúrgicas, que podem ajudar a reparar o dano. No entanto, é conveniente não deixar que a acne chegue a este ponto.

Os casos graves de acne podem transtornar emocionalmente os adolescentes, que são muito sensíveis quanto à sua aparência pessoal. Além disso, já que os próprios transtornos emocionais podem levar a um agravamento da inflamação, torna-se aconselhável, por vezes, recorrer a algumas sessões de psicoterapia para resolver os problemas psíquicos. Esta decisão deve ser tomada com a aprovação do médico.