Picadas de insectos na criança

8 Set, 2011

As picadas de insectos são sempre incomodativas, mas quando praticadas em crianças é deveras aborrecido. Pode aparecer logo a seguir à picada uma área alérgica com vermelhidão, borbulha, coceira excessiva e mesmo formação de bolha. Mesmo que a picada tenha sido numa só zona, a alergia pode espalhar-se a outros locais à volta da picadela. Dependendo do tipo de insecto que provocou a infecção, quase sempre esta é benigna e com a ajuda de gelo e um tecido protector a dor atenua e a coceira também, além de que ajuda no desconforto. Nestes casos deve-se manter as unhas da criança bem cortadas para que não coce e faça ferida.

Existem casos onde o tratamento médico para uma picada de insecto deve ser imediato, essencialmente se a criança a seguir à picada apresenta sinais de falta de ar, dificuldade em engolir, inchaço na face, mucosa oral, garganta e língua. Também se a criança mostra sinais de agitação, pulso acelarado ou sensação de desmaio. Não descure nestes casos e lembre-se que pode estar perante uma alergia grave que pode precisar de intervenção atempada.