O que é o cancro, ou câncer?

30 Jul, 2012

Todos os tecidos orgânicos do organismo crescem normalmente e renovam-se por meio de um processo ordenado de divisão das células. Não só se desconhece o motivo por que este crescimento e renovação se processam dentro de certos limites, mas também se ignora a razão da sua falta de contrôle. Neste último caso resulta o aparecimento de um cancro.O cancro não é uma doença única, mas sim um conjunto de diferentes doenças, todas caraterizadas pela presença de células que se subdividem repentinamente de uma forma desordenada. O crescimento descontrolado dessas células malignas leva à destruição do tecido normal,intereferindo, consequentemente, no funcionamento vital dos órgãos afetados. Além disso, as células do local onde inicialmente se manifestou o cancro primário têm tendência a invadir a corrente sanguínea e os vasos linfáticos. Assim, as células malignas podem ser transportadas para uma zona distante desse local do organismo e dar origem a uma neoplasia secundária. Este processo é conhecido pelo nome de metástese.

O cancro pode ter origem praticamente em qualquer região do organismo. Em geral, forma-se um tumor, ainda que em determinados cancros relacionados com o sangue não apareçam tumores. A maior parte dos cancros classifica-se em carcinomas ou sacromas, conforme o tecido em que têm origem.