O indivíduo neurótico

10 Jan, 2013

O indivíduo neuróticoALGUMAS CARATERÍSTICAS DE INDIVÍDUOS NEURÓTICOS

Todas as pessoas experimentaram receios, contrariedades e abalos emocionais. Porém, os neuróticos atribuem aos acontecimentos uma importância tão exagerada que as suas emoções apresentam caraterísticas especiais:

1 – Os receios, as preocupações e as tensões são em regra excessivos, contínuos, prolongados; ou não se baseiam na realidade.

2 – Estes receios, contrariedades e tensões impedem o indivíduo neurótico de agir na defesa dos seus próprios interesses e influenciam a sua capacidade de trabalhar e de conviver.

3 – As pessoas neuróticas manifestam sentimentos de medo, ansiedade e depressão, sem motivos, o que por vezes as leva a suspeitar de que estão a enlouquecer.

É altura de afirmar categoricamente que estas suspeitas são infundamentadas.

Em geral, os neuróticos são capazes de reconhecer a realidade. Poderão vê-la, no entanto, com cores negras e de uma perspetiva distorcida. Não sofrem de alucinações, como acontece com as pessoas psicóticas . Nos neuróticos apenas alguns aspetos da personalidade estão afetados. Encontram-se todos mais ou menos aptos a conviver em sociedade. Quase todos se apercebem, embora nem sempre o admitam, de que há neles algo de errado. Os neuróticos manifestam uma ampla gama de comportamentos.

VÁRIAS PERTURBAÇÕES DE SENTIMENTOS E COMPORTAMENTOS CLASIFICADAS COMO NEUROSES

NEUROSE ANSIOSA

NEUROSE FÓBICA

NEUROSE HIPOCONDRÍACA

NEUROSE DE CONVERSÃO

NEUROSE OBSESSIVO-COMPULSIVA

DEPRESSÃO NEURÓTICA