Insónia

16 Set, 2012

Insónia é a incapacidade de adormecer ou de dormir de uma forma repousante. Quase todas as pessoas sofreram de insónia em determinadas circunstâncias. Contudo, quando a insónia se torna habitual, é necessário detetar as suas causas e combatê-las com a ajuda do médico.

CAUSAS: Um grande número de fatores pode dificuldade a conciliação do sono e impedir um sono profundo e reparado. Por vezes, a insónia pode derivar da utilização de cum colchão demasiado duro ou entremamente flexível, da ausência ou excesso de agasalhos na cama, de uma temperatura inadequada no quarto de dormir, da excessiva claridade desta divisão ou da companhia de uma pessoa que ressone ou tenha um  sono agitado.

Uma refeição tomada pouco antes da hora de dormir pode prejudicar o sono. A ingestão de bebidas estimulantes, como o café e o chá, pode igualmente provocar insónia.

Na maior parte dos casos, a dificuldade em adormecer é causada pela tensão nervosa, podendo também construir um sintoma de uma perturbação psíquica.

TRATAMENTO: Quando se consegue determinar a causa da insónia, torna-se fácil cambatê-la. Assim, convém verificar o colchão, as roupas da cama e a temperatura do quarto; se não propocionarem o necessário conforto, deve-se proceder aos necessários ajustamentos. Para resolver o problema da luminisidade excessiva, pode-se recorrer à aplicação de uma máscara para os olhos; na necessidade de anular os ruídos, é possível utilizar tampões para os ouvidos. Aconselha-se às pessoas que têm dificuldade em adormecer que procurem descontrair-se algum tempo antes da hora de deitar, lendo um livro que as divirta, assistindo a um programa de televisão que não excite ou tomando um banho quente. Se acordarem durante a noite, é conveniente acender a luz e voltar a ler por uns momentos. Também se recomenda a ingestão de leite quente e de qualquer alimento sólido, como, por exemplo, uma fatia de bolo ou alguns biscoitos.

Se for necessário, o médico poderá receitar um tranquilizante ou alguns comprimidos para dormir. Estes medicamentos devem ser tomados de acordo com a prescrição médica.