Gravidez na adolescência

A gravidez na adolescência é sempre um problema difícil de encarar na sociedade actual. A adolescente está numa fase da sua vida em que não é criança, mas também não é encarada como adulta. Os factores que levam à gravidez nesta faixa etária, deve-se sobretudo à forma como a jovem encara a nova transformação da sua vida. Não quer ouvir ninguem e acha que tem direito a decidir tudo sózinha. O companheiro por sua vez também não costuma setir-se preparado para tal responsabilidade  deixa a jovem com a carga toda em cima. A família nem sempre está apta a ajudar, pois não entende como de repente todos os projectos que idealizaram se foram por água abaixo. Enfim, um conjunto de problemas  que revolta a jovem e a leva a resolver tudo praticamente sozinha. A escola que fica por acabar, lidar com a transformação do seu corpo, a indiferença dos colegas, a atitude da familia muitas vezes carenciada, leva as jovens a procurar instituições que prestam apoio a estas causas. As instituições dão então apoio psicológico, comida, roupas, carinho a estas jovens que de repente passam de meninas que há pouco brincavam com bonecas a mulheres que nem idade têm para trabalhar. A falta de informação em relação a métodos anticoncepcionais, a intolerância, a dificuldade em dialogar com a família, levam a que estas futuras mães tenham muitas vezes gravidez de risco, para elas e para os bebés com a agravante de doenças que se possam vir a desenvolver como diabetes, hipertensão, entre outras.