Dor de cabeça

Dor de cabeçaNaturalmente, ninguém recorre ao médico apenas pelo simples facto de lhe doer a cabeça, porém, é indispensável consultá-lo sempre que se verifiquem as seguintes circunstâncias:

1 – Quando a dor de cabeça não desaparecer depois de eliminada a sua causa aparente (por exemplo, se a dor de cabeça atribuída a um excesso de fadiga não desaparecer ao fim de algum tempo de repouso).

2 – Quando a dor de cabeça for acompanhada de quaisquer outros sintomas, como febre, náuseas, vómitos e perturbações visuais.

3 – Quando a dor de cabeça se repetir com frequência, for bastante persistente ou aumentar de intensidade.

Uma dor de cabeça pode constituir sintoma de algum problema suscetível de ser facilmente corrigido ou de uma doença que deva ser tratada com urgência. Pode também significar uma enxaqueca ou ser devida a tensão nervosa.