Conselhos aos diabéticos

21 Mai, 2012

A diabetes é uma doença de potencial gravidade, pelo que o doente deve ser disciplinado e seguir os conselhos do médico, além de que deve ser ele próprio a participar no controle da sua doença, da seguinte forma:

– Adquirindo os melhores conhecimentos acerca das dietas

– Habituando-se a fazer e interpretar os seus testes de pesquisa de glicose e acetona na urina

– Aprendendo a injetar-se com insulina e sabendo os cuidados que deve ter na preparação da injeção

– No caso de estar a fazer tratamento com insulina ou antidiabéticos orais, trazendo sempre consigo alguns torrões de açúcar e tendo em casa ampolas de soro glicosado hipertónico, bem como seringas e agulhas para aplicação imediata.

A diabética grávida carece de cuidados especiais, pelo que deve estar sob vigilância médica assídua.

Devido ao perigo de gangrena, o diabético deve dispensar especiais cuidados dos pés, nomeadamente:

– Lavar os pés diariamente com água e sabão e enxugá-los muito bem. Deve mudar de meias todos os dias e certificar-se que não têm rugosidades ou asperezas suscetíveis de irritar a pele.

– Fazer, pelo menos duas vezes ao dia, 20 elevações na ponta dos pés

– Tratar as unhas e os calos numa pessoa da especialidade e deve informá-la de que é dibético.

– Usar sapatos confortáveis e suficientemente largos, que não apertem e magoem os pés

Todo o diabético deve trazer consigo um cartão de identificação.