Como medir a pulsação (pulso)

19 Out, 2012

Pulsação é uma sensação de elevação brusca sentida nos dedos, ao comprimir ligeiramente uma artéria sobre um plano ósseo. Esta sensação deve-se à onda de pressão produzida pela expulsão sanguínea, durante a sístole ventricular.

No punho, a pulsação é sentida cerca de um décimo de segundo após cada batimento cardíaco. Contudo, ela indica o ritmo do batimento do coração. O número de pulsações por minuto, num homem adulto em repouso, é, em média, de 65 a 80, Na mulher, oscila entre 80 a 85. Nas crianças, o número de pulsações é ainda mais elevado; assim, uma criança de dez anos pode ter 90 pulsações por minuto e um bebé, 140. Como, acontece com o batimento do coração, a intensidade, a regularidade e o ritmo das pulsações são indicativos do estado de saúde.

COMO MEDIR A PULSAÇÃO: Geralmente, as pulsações são medidas na face ântero-externa do punho, logo acima da base do polgar. Sobre esta área, coloca-se as extremidades de dois ou três dedos, exercendo-se em seguida uma suave pressão, de modo a sentir-se as pulsações. Não se deve usar o pulgar, pois poderia confundir-se a própria pulsação com a da pessoa a quem se mede o pulso. Esta deve estar descontraída, pois, se estiver excitada ou tiver acabado de fazer esforços, apresentará um número de pulsações mais elevado. Deve-se contar as pulsações durante um minuto, medindo-se o tempo com um relógio que marque os segundos. Convém anotar o número de pulsações e também qualquer irregularidade ou enfraquecimento do pulso que possa ter ocorrido durante a contagem.