Causas da desidratação

13 Jul, 2012

A desidratação é a perda anormal de líquidos do organismo. A água é o principal componente do sangue e do protoplasma, elemento fundamental da estrutura do organismo.

A desidratação inicia quando a quantidade de líquido ingerida é inferior àquela que é eliminada através da urina, da respiração, da transpiração e das fezes. A desidratação surge frequentemente em consequência de micção excessiva, vómitos, diarreia ou perda de sangue.

O abuso de diuréticos , medicamentos destinados a aumentar a secreção urinária, pode dar origem a desidratação, que também é frequentemente provocada pelo excesso de transpiração, no tempo quente, ou pela febre. Por vezes, a desidratação é um sintoma de diabetes e de outras doenças.

O seu tratamento consiste na ingestão de bastante água, sumos ou quaisquer outros líquidos benéficos para a saúde. Nos casos graves de desidratação, é por vezes necessário recorrer à administração de soluções salinas ou de plasma sanguíneo. Deve-se tratar igualmente a diarreia, os vómitos ou qualquer outra causa da desidratação.