Aneurisma

30 Set, 2012

Aneurisma é a dilatação pulsátil da parede de um vaso sanguíneo (habitualmente de uma artéria), resultante de um enfraquecimento anormal da sua parede. Forma-se uma espécie de saco cheio de sangue, que faz saliência na parede do vaso. Esta afeção pode ser acompanhada de dor, causada pela pressão exercida pela dilatação protuberante. Os aneurismas podem resultar de uma lesão, de sífilis e do endurecimento das artérias. Aparecem mais frequentemente no abdómen e no tórax, especialmente na aorta. A rutura de um aneurisma (isto é, a rutura da parede enfraquecida) pode ser fatal.

Tem havido grandes prograssos nas técnicas cirúrgicas utilizadas na correção dos aneurismas. Se um aneurisma for diagnosticado pelo raio X num pequeno vaso sanguíneo, a artéria ou veia atingidas são laqueadas, a fim de que o sangue seja dirigido para vasos não afetados. Nos casos mais graves, recorre-se a transplantações. Esta técnica envolve a substituição do troço danificado do vaso sanguíneo por outro intacto, geralmente de material sintético.